quarta-feira, fevereiro 19, 2014

Podem imaginar a minha cara, não podem?



Sendo assim dispenso-me a fazer comentários. :)

1 comentário:

]...[

A forma descontraída como partilhas comigo a tua intimidade é excitantemente desconcertante.