quinta-feira, abril 29, 2010

Last kiss

Não valia a pena continuar. Já não fazia sentido. Os nossos caminhos tinham seguido rumos diferentes e eu quis pôr um ponto final naquela ligação. Depois de uma conversa calma, despedimo-nos. Nunca nos zangámos. Ela quis um último beijo. Eu ainda gostava dela e ela talvez gostasse de mim e contra tudo o que poderia parecer correcto, aceitei. Não me arrependi. Um beijo fica sempre bem no fim.

2 comentários:

A minha laranja

Imaginemos que eu sou como uma laranja, constituído por gomos muito juntinhos dentro de uma casca. Cada um dos gomos representa um estado...