quinta-feira, dezembro 29, 2011

O que eu tenho para te dizer

Para me teres por inteiro, vais ter de te entregar por inteiro. Não podes ter pressa. Eu vou fazer-te feliz, mas faço-o ao meu ritmo e quando estivermos no mesmo ritmo já podes pegar nos comandos e assumir a velocidade que queres. Não adianta forçar. A pressa não ajuda, o desespero também não. Deixa-te ficar e espera por mim. Só isso basta. Vais ver que nem é assim tão mau. Vais ser feliz. Vais-me fazer feliz.

2 comentários:

A minha laranja

Imaginemos que eu sou como uma laranja, constituído por gomos muito juntinhos dentro de uma casca. Cada um dos gomos representa um estado...