sexta-feira, dezembro 17, 2010

Desabafo

Estou farto, mas mesmo fartinho de trabalhar neste buraco do Mundo. Não gosto das pessoas, que na sua essência até podem ser idênticas às de todos os outros lugares (embora eu acho que não são, são piores, mas por agora nem discuto isso), não gosto da pasmaceira, da falta de juventude, beleza, cultura e sofisticação desta gente.

Um dia cometo uma loucura, reduzo o meu ordenado a metade e meto-me na cidade. Volto a entrar no Mundo das oportunidades e luto até chegar ao ponto onde estou hoje.

O campo é bom, mas é para passear ao fim-de-semana.

1 comentário:

A minha laranja

Imaginemos que eu sou como uma laranja, constituído por gomos muito juntinhos dentro de uma casca. Cada um dos gomos representa um estado...