quarta-feira, junho 22, 2011

Desabafo

Vou ter de conversar. Vou ter de lhe dizer. Confessar-lhe que passou… Confessar-lhe que, o que sinto, talvez já não chegue… Confessar-lhe que preciso de mais… Confessar-lhe (outra vez) que não me sinto feliz, que esperava uma vida diferente. Confessar-lhe (outra vez) que me sinto só.

Vou ter de lhe dizer que a culpa não foi dela nem minha. Que foi dos dois. Que se calhar fizemos a escolha errada, numa precipitação de adolescente armado em adulto. Que temos de ultrapassar este drama, sem dramas, porque acredito que ainda podemos encontrar a nossa felicidade. O nosso equilíbrio.

Será?

6 comentários:

  1. Parece-me que nenhum dos dois dispõe dessa coragem... até agora.

    ResponderEliminar
  2. Não me parece que consigas. É tudo mto convencional. E agora a família? E como é que se recompõem tantos anos em comum? Não é fácil, daí que a separação implique um extremo. Tens que ter bem a certeza se é separados que se sentem mesmo bem. Boa sorte :) Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Bem, pelo menos desabafei. Por enquanto, apenas por aqui....

    ResponderEliminar
  4. Que vocês passem por esse Drama, sem Drama. Juntos ou Separados.

    ResponderEliminar

Who are you?

Ontem, depois de te ver na esplanada ao jantar, todas as minhas certezas "implodiram". A tua feminilidade, a tua beleza, a tua se...